quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Carta à um amor impossível


Oi "meu" mor!
Esta carta é pra vc... é pra te dizer...que eu o amo...
Sei tudo o que vc já me disse...
Eu ainda tenho esperança de vc me amar como eu te amo...
O amor tem dessas coisas...
A razão me lembra de tudo o que vc já me disse
mas meu coração é teimoso e não quer obedecer...
Pode ser bobeira minha, às vezes até infantilidade
querer tanto o seu amor...
Mas eu não consigo controlar o que eu sinto...
Eu estou apaixonada...
Perdidamente e completamente apaixonada!
Sei que é um amor impossível...
mas ainda tenho algum pedacinho de esperança...
por enquanto me "agarro" nesse pedacinho,
nessa minima esperança...
para não sofrer tanto...
Sei que nada posso fazer pra vc me amar...
Eu te amo muito!
Incondicionalmente!
Intensamente!
Ardentemente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário